TPM: câncer regride após tratamento inédito no país

O paciente voltou: análise do tipo de remissão, se foi completa ou parcial, sairá em três meses (foto: Agência Fapesp/Divulgação)

Exames feitos com pouco mais de um mês de diferença mostram o recuo de um linfoma em fase terminal em um paciente de 62 anos. Vamberto Luiz de Castro recebeu um tratamento inédito na América Latina, com uma técnica de terapia genética descoberta no exterior e conhecida como CART-Cell. As informações são do G1.

No início de setembro, segundo a publicação, o corpo do mineiro estava tomado por tumores, mas, nesta semana, a maioria já desapareceu. Segundo os médicos, isso é um indicativo da evolução da terapia. Para pesquisadores do Centro de Terapia Celular (CTC-Fapesp-USP), ligado ao Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto, Vamberto está praticamente livre da doença.

Para os especialistas, porém, é difícil falar em cura porque o diagnóstico final só poderá ser dado após cinco anos de acompanhamento. Os exames apontam, segundo eles, a “remissão do câncer”.

A técnica utilizada, chamada de CART-Cell, já é comum nos Estados Unidos, Europa, China e Japão. Ela consiste na manipulação de células do sistema imunológico para as células causadoras do câncer sejam combatidas. O ataque é contínuo e específico, segundo os médicos.

 

 

Fonte: Portal Isto É

Fotos: divulgação

 

 

Envie seu material para a nacional do movimento das Mulheres Republicanas,  através do e-mail pautas@mulheresrepublicanas10.org.br   Conte pra gente as ações que as republicanas, estão realizando em região, será interessante divulgar essas atuações no nosso portal.